Botafogo vira pra cima do timão e sai na frente na Copa do Brasil!

Jogando em casa o Botafogo conseguiu uma importante vitória contra o Corinthians, no jogo de ida válido pela semi-final da Copa do Brasil. O primeiro tempo, o time paulista foi muito superior. Mas no segundo tempo, o Botafogo cresceu e foi melhor, mas sem merecer a virada. Acredito que o empate seria mais justo.

Jogo

Logo aos 6 minutos, o fogão assusta.  Wellington Paulista arremata de primeira, e a bola passa perto do gol de Felipe. No minuto seguinte quase o atacante faz denovo. Wellington Paulista recebe presente de Eduardo Ramos e, na saída de Felipe, chuta em cima do goleiro.

A partir daí, o Corinthians melhorou e passou a ficar mais com a bola nos pés. Aos 22, Herrera acha Carlos Alberto livre na direita, que toca na saída de Renan. 1×0!

Aos 30, André Santos faz bela jogada pela esquerda e cruza na cabeça de Diogo Rincón, que acerta a trave de Renan. A fiel, que compareceu em um bom número no Engenhão, faz a festa no Rio calando a torcida do bota.

Aos 40,  Lulinha cruza, a bola desvia na zaga. Herrera ganha de cabeça e obriga Renan a fazer difícil defesa. E aos 46, Jorge Henrique cruza da direita, Alessandro desvia de leve e Felipe espalma.

No segundo tempo, Cuca voltou com Fábio no lugar de Zé Carlos, e deu certo. Logo com 1 minuto, Lúcio Flávio cobra falta no ângulo. A bola passa perto do gol de Felipe.

Aos 10, Carlos Alberto cometeu pênalti em Jorge Henrique. Lúcio Flávio cobra pênalti no meio do gol, sem chances para Felipe.

A torcida do fogão que jogava contra a equipe até este momento, passa a jogar a favor e empurra o clube carioca para a virada.

Aos 20, o Corinthians marca, mas não vale. Árbitro pega falta de ataque do Corinthians – de Herrera em zagueiro do Botafogo. Aos 31, Fabinho aproveita a sobra de fora da área, bola desvia na zaga do Botafogo e goleiro Renan fica vendido. Finalização passa por cima do gol.

Aos 39, Alessandro cruza da direita para Jorge Henrique, que cabeceia próximo à trave de Felipe. E aos 43, quando tudo indicava o empate, em jogada ensaiada de escanteio, Jorge Henrique completa dentro da área e marca o segundo do Botafogo. 2×1!

As duas equipes agora definem o finalista na próxima semana, no Morumbi, dia 28. O empate beneficia os cariocas. Já o Corinthians precisa de um triunfo por 1 a 0 para chegar à decisão. Vitória paulista por 2 a 1 leva a definição para os pênaltis. Outro triunfo corintiano pela vantagem mínima classifica a equipe de Cuca.

BOTAFOGO
Renan; Renato Silva, André Luís e Eduardo (Adriano Felício); Alessandro, Leandro Guerreiro, Túlio, Lúcio Flávio e Zé Carlos (Fábio); Jorge Henrique e Wellington Paulista (Alexsandro)
Técnico: Cuca

CORINTHIANS
Felipe; Carlos Alberto, Chicão, William e André Santos; Fabinho, Eduardo Ramos, Lulinha (Fábio Ferreira) e Diogo Rincón (Acosta); Dentinho e Herrera
Técnico: Mano Menezes

Local: estádio Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Leonardo Gaciba da Silva (Fifa-RS)
Auxiliares: Altemir Haussman (Fifa-RS) e Roberto Braatz (Fifa-RS)
Público: 30.737 pagantes
Renda: R$ 540.580,00
Cartões amarelos: André Santos, Carlos Alberto, Lulinha, Fábio Ferreira e Fabinho (C); Wellington Paulista, Jorge Henrique, Alessandro e Túlio (B)
Gols: Carlos Alberto, aos 22min do primeiro tempo; Lúcio Flávio, aos 10min, e Jorge Henrique, aos 43min do segundo tempo

By Fernando Arbex

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: