Archive for the ‘Que talento!’ Category

Homenagem da semana. Alonzo Mourning!

dezembro 2, 2008

by Fernando Arbex

Quatro brasileiros indicados no prêmio para melhor do mundo!

outubro 21, 2008

Os brasileiros Ronaldinho Gaúcho, Kaká, Daniel Alves e Lúcio foram incluídos na relação dos candidatos ao prêmio de Melhor Jogador do Mundo pela Federação Internacional dos Jogadores Profissionais de Futebol (FIFPro). O ganhador será divulgado no próximo dia 27.

Além deles, três brasileiros naturalizados fazem parte da lista da quarta edição do prêmio: o zagueiro Pepe e o meia Deco, que atuam pela seleção portuguesa, e o volante Marcos Senna, que defende a Espanha.

A FIFPro anunciou nesta segunda-feira que os 45 mil jogadores profissionais pertencentes às 42 organizações do sindicato mundial, presidida pelo espanhol Gerardo González Movilla, receberam formulários para votar nos quais, nas suas opiniões, foram os melhores da temporada 2007-2008.

A relação completa é a seguinte:

Goleiros:
Boruc (Celtic)
Buffon (Juventus)
Casillas (Real Madrid)
Cech (Chelsea)
Van der Sar (Manchester United)

Laterais:
DANIEL ALVES (Barcelona)
Bosingwa (Chelsea)
Zambrotta (Milan)
Zanetti (Internazionale)
Sergio Ramos (Real Madrid)
Clichy (Arsenal)
Ashley Cole (Chelsea)
Evra (Manchester United)
Lahm (Bayern Munique)
Maldini (Milan)
Zhirkov (CSKA Moscou)

Defensores:
Cannavaro (Real Madrid)
Ricardo Carvalho (Chelsea)
Ferdinand (Manchester United)
LÚCIO (Bayern de Munique)
Nesta (Milan)
Pepe (Real Madrid)
Puyol (Barcelona)
Terry (Chelsea)
Vidic (Manchester United)

Meio-campistas:
Ballack (Chelsea)
Deco (Chelsea)
Essien (Chelsea)
Fabregas (Arsenal)
Gattuso (Milan)
Gerrard (Liverpool)
Iniesta (Barcelona)
KAKÁ (Milan)
Lampard (Chelsea)
Mascherano (Liverpool)
Pirlo (Milan)
Ribery (Bayern de Munique)
Marcos Senna (Villarreal)
Sneijder (Real Madrid)
Xavi (Barcelona)

Atacantes:
Arshavin (Zenit)
Berbatov (Manchester United)
Drogba (Chelsea)
Eto’o (Barcelona)
Henry (Barcelona)
Ibrahimovic (Internazionale)
Messi (Barcelona)
Van Nistelrooy (Real Madrid)
RONALDINHO GAÚCHO (Milan)
Cristiano Ronaldo (Manchester United)
Rooney (Manchester United)
Tévez (Manchester United)
Toni (Bayern de Munique)
Fernando Torres (Liverpool)
Villa (Valencia)

fonte:lancenet.com.br

By Fernando Arbex

Homenagem da semana. Evair!

outubro 14, 2008

By Fernando Arbex

Homenagem da semana. Gustavo Borges!

outubro 1, 2008

By Fernando Arbex

Homenagem da semana. Reggie Miller!

agosto 26, 2008

By Fernando Arbex

Homenagem da semana. Karl Malone!

julho 11, 2008

By Fernando Arbex

Felipe Massa vence na França e lidera a F1!

junho 23, 2008

Felipe Massa conseguiu uma vitória histórica no GP da França, disputado neste domingo em Magny-Cours. Esta é apenas a segunda vez que um brasileiro triunfa no país europeu. A primeira foi com Nelson Piquet, em 1985, ainda no circuito de Paul Ricard. De quebra, ele assumiu a liderança do campeonato pela primeira vez em sua carreira.

Massa também é o primeiro líder brasileiro do Mundial de Pilotos desde Ayrton Senna em 1993. O tricampeão assumiu a primeira posição daquela temporada após conseguir sua sétima vitória no GP de Mônaco, no dia 23 de maio. Desde então, nunca mais um piloto do país esteve nesta posição. Massa tem agora 48 pontos, contra 46 de Robert Kubica, atual segundo colocado.

Kimi Raikkonen, pole position, teve problemas com o escapamento de seu carro no meio da prova e chegou na segunda posição, após ser ultrapassado por Felipe Massa antes da segunda rodada de pit stops. Jarno Trulli, da Toyota, foi o terceiro após segurar de forma sensacional nas últimas voltas o finlandês Heikki Kovalainen, da McLaren, que terminou em quarto, mesmo após perder cinco posições no grid de largada.

Robert Kubica, da BMW Sauber, fez uma corrida burocrática e chegou na quinta posição. Ele agora está em segundo no Mundial de Pilotos, a dois pontos de Massa. Mark Webber, da RBR, errou logo após o primeiro pit stop, mas se recuperou e terminou em sexto em Magny-Cours.

Nelsinho Piquet foi o sétimo, após uma excelente corrida. O brasileiro esteve sempre na zona de pontuação e segurou a pressão de Lewis Hamilton no início da prova de forma exemplar. No fim, ele ainda foi premiado com um dos poucos erros do bicampeão mundial Fernando Alonso na corrida e ganhou dois pontos no campeonato. O espanhol, companheiro de Nelsinho, fechou a zona de pontuação com a oitava posição.

Lewis Hamilton fez mais uma corrida apagada, com outro erro bisonho. Ele, que já tinha sido punido com a perda de dez posições no grid de largada, teve de fazer um drive through após cortar a chicane Nürburgring, enquanto ultrapassava Sebastian Vettel na primeira volta. O piloto da McLaren chegou apenas na décima posição.

A próxima etapa da Fórmula 1 será no dia 06 de julho, na tradicional pista inglesa de Silverstone.

Confira o resultado final do GP da França:

1º – Felipe Massa (BRA/Ferrari)
2º – Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari) – a 17s984
3º – Jarno Trulli (ITA/Toyota) – a 28s250
4º – Heikki Kovalainen (FIN/McLaren) – a 28s929
5º – Robert Kubica (POL/BMW) – a 30s512
6º – Mark Webber (AUS/Red Bull) – a 40s304
7º – Nelsinho Piquet (BRA/Renault) – a 41s033
8º – Fernando Alonso (ESP/Renault) – a 43s372
9º – David Coulthard (ESC/Red Bull) – a 51s021
10º – Lewis Hamilton (ING/McLaren) – a 54s538
11º – Timo Glock (ALE/Toyota) – a 57s700
12º – Sebastian Vettel (ALE/Toro Rosso) – a 58s065
13º – Nick Heidfeld (ALE/BMW) – 1min15s786 – a 1min02s079
14º – Rubens Barrichello (BRA/Honda) – a uma volta
15º – Kazuki Nakajima (JAP/Williams) – a uma volta
16º – Nico Rosberg (ALE/Williams) – a uma volta
17º – Sébastien Bourdais (FRA/Toro Rosso) – a uma volta
18º – Giancarlo Fisichella (ITA/Force India) – a uma volta
19º – Adrian Sutil (ALE/Force India) – a uma volta

Não completou:

Jenson Button (ING/Honda) – volta 17

Fonte:globo.com

By Fernando Arbex

Homenagem da semana. Fernando Redondo!

junho 20, 2008

By Fernando Arbex

Marcelinho Carioca faz gol 500 no empate do Santo André!

maio 28, 2008

Elton Marinho/Mafalda Press

O meia Marcelinho Carioca marcou o gol de número 500 na sua carreira, ontem a noite no empate de 1×1 entre o Avaí e o Santo André em Florianópolis pela quarta rodada da Série B do Brasileiro.

– É um momento muito feliz para mim, já que cheguei à metade dos gols de craques como Pelé e Romário. Mas é importante ter ajudado meu time a conseguir um bom resultado jogando fora de casa, com a pressão da torcida.

Questionado sobre a impórtância do gol 500, Marcelinho diz: – Estou muito honrado em ter alcançado esta marca. Mas os gols em Ribeirão Pretos contra o Palmeiras e o gol do título da Copa do Brasil pelo Corinthians estão na frente.

Com o resultado, o Santo André permanece na 14ª colocação, com apenas quatro pontos ganhos. Já o Avaí permaneceu na nona posição, com seis pontos. O time catarinense segue invicto na competição, com uma vitória e três empates.

By Fernando Arbex

Rui Costa encerra a carreira!

maio 12, 2008

O meio campo português Rui Costa se despediu ontem dos gramados. Jogando pelo Benfica pela última rodada do Campeonato Português, venceu o Vitória de Setúbal por 3 a 0, mas perderam a vaga no torneio continental para o Vitória de Guimarães.

Aos 36 anos, Rui Costa atuou por grandes clubes. Ente eles, a Fiorentina e o Milan. Defendeu também a seleção portuguesa durante anos e diz que o título mundial sub-20 em 1991, com uma vitória sobre o Brasil na final, foi o seu grande momento no futebol.

– Quero aproveitar este momento, agora que estou mais lúcido, para agradecer ao futebol pelo que me proporcionou, pelas alegrias que me deu, pelo meu público, por aqueles que não foram meus fãs, mas sempre me respeitaram, foram 18 anos. Tenho que me sentir um homem felizardo pela forma como acabo a carreira. É verdade que ainda estou um pouco em transe, ainda não mentalizei que quarta-feira não há treino e que não haverá pré-temporada para mim. Estou feliz por todos os aplausos e críticas que me fizeram crescer – afirmou Rui Costa, em entrevista ao site português “Mais Futebol”.

By Fernando Arbex

Agora é definitivo. Romário encerra a carreira!

abril 15, 2008

No lançamento de seu DVD ontem na Barra da Tijuca, Romário anunciou o fim de sua majestosa carreira. O atacante de 42 anos quer agora aproveitar a vida com a família.

– Oficialmente não jogo mais. Parei. Minha fase passou. Tenho consciência de que tudo foi muito divertido – disse o Baixinho, para em seguida olhar para o diretor do DVD “Romário é gol”, Sidnei Loureiro Júnior, e brincar: – Pode terminar o DVD.

O atleta ainda não sabe se fará algum jogo de despedida. Mas não descarta a hipótese.

– Não pensei em nada. Mas se alguém fizer uma proposta de um jogo em que eu vestisse a camisa da seleção brasileira e também uma outra que montasse os três clubes que defendi no Rio, Vasco, Flamengo e Fluminense seria muito bem vindo. Mas tem que fazer bem feito, chamar todos os meus amigos, jogadores que atuei lá fora e tal.

Eu particularmente vou sentir saudades de Romário e seus 1.002 gols. Confesso que foi o único atleta que vi a dar praticamente sozinho um Mundial a seleção brasileira. Parabéns baixinho!

By Fernando Arbex

Buffon é eleito o melhor goleiro de 2007!

janeiro 14, 2008

126.jpg

O goleiro italiano Gianluigi Buffon foi eleito pela Federação Internacional de História e Estatística do Futebol (IFFHS) como o melhor goleiro de 2007.

O goleiro da Juventus(ITA) somou 209 pontos, 37 a mais que o segundo colocado, o checo Petr Cech (172), do Chelsea. O goleiro do São Paulo, Rogério Ceni ficou com a quinta colocação.

Confira abaixo a classificação:

1. Buffon, Juventus, 209
2. Petr Cech, Chelsea, 172
3. Casillas, Real Madrid, 124
4. Van der Sar, Manchester United, 62
5. Rogério Ceni, São Paulo, 37
6. Reina, Liverpool, 36
7. Dida, AC Milan, 36
8. Palop, Sevilha, 29
9. Júlio César, Inter,
10. Jens Lehmann, Arsenal, 20

By Fernando Arbex

Trajetória de uma jovem promessa

janeiro 6, 2008

madeira.jpg

 

Thiago Rockenbach da Silva, 22 anos, jogador profissional de futebol. Começou sua carreira nas categorias de base do Marcílio Dias (SC), teve passagens pela base do Guarani (SP) e também no Internacional (RS), até um empresário leva-lo para fora do Brasil. Essa história é apenas mais uma, das tantas que acontecem por esse “Brasilzão” a fora.

Aos 16 anos, ele teve a oportunidade que muitos jogadores sonham: ir para a Europa. Seu destino? A gelada Alemanha. Thiago esteve em uma função de ir e vir, do Brasil para a Alemanha, até completar sua maior idade e, aí sim, ficar definitivamente na Europa. Mas, quem pensa que ele partiu para lá já acertado com algum time, se engana.

O jovem brasileiro fez testes no Hamburgo (ALE) e no Benfica (POR). Thiago me relatou que, na terra dos nossos patrícios, ele fez um gol digno de craque. Não lembro ao certo, se foi em um jogo amistoso ou treino. Alçaram uma bola na área, da direita para a esquerda, e como se fosse a jogada mais simples do mundo, Thiago fez um gol dos mais belos gols que se pode fazer no futebol. Acertou uma linda bicicleta, sendo aplaudido de pé pelos sócios do clube que assistiam o jogo.

Para os portugueses era espantoso, um menino de 16 anos fazer um gol desse nível. Para mim não foi novidade alguma, pois já vi Thiago fazer coisas com a bola que até Deus duvida.

Mas, Thiago não ficou em Portugal. O motivo, talvez tenha sido a burocracia de lidar com o excesso de estrangeiros no time de base, não sei ao certo. O importante é que ele voltou para a gélida Alemanha, e fechou contrato com um outro clube que surgira em seu caminho, o Werder Bremen.

Já com 18 anos e apto a jogar, começou a disputar campeonatos pelo time de base do Werder. A cada partida, ele mostrava o seu talento. Artilheiro do time e várias vezes eleito o craque das rodadas, Thiago fez com que os alemães começassem a olhá-lo de outra maneira. Queriam que se naturalizasse alemão.  Ele chegou a ser convidado a juntar-se a seleção de base do país. Mas recusou o convite de naturalizar-se, com certeza pelo sonho de defender o Brasil algum dia.

Após quatro anos de contrato com o Werder, cansado de esperar a profissionalização, já demonstrado dentro de campo tudo que podia, ele resolveu não renovar contrato e acertou com o FC Rot-Weiß Erfurt, time da terceira divisão alemã. Acredito que, o fato dele ter recusado a naturalização, pesou, na hora do Werder Bremen profissionaliza-lo.

A iniciativa de acertar com um clube de terceira divisão foi mais lucrativa do que ele poderia imaginar. Não só pelo lado financeiro, mas pelo lado profissional. Ele chegou ao novo clube com status de estrela, ganhou a camisa 10 e a faixa de capitão da equipe. E em apenas seis meses já virou ídolo. Marcou vários gols e é o principal destaque do elenco.

Thiago saiu prodígio do Brasil. E hoje na Alemanha, é promessa. Promessa de ser um grande craque mundial. Mais isso, eu sempre avisei que ele seria, que dou minha cara a tampa se ele não chegar na seleção. Essa seleção que conta e já contou, com jogadores apelidados por torcedores como:         Ronaldo Fenômeno, Adriano Imperador, Denílson Show Man, Ronaldinho Gaúcho o mágico, e eu chamaria Thiago de “O impossível”. De tanto eu ouvir as pessoas dizerem quando vêem ele jogar: “Isso é impossível”.

Porque, depois do gol mais belo que eu vi Thiago fazer, eu tenho certeza que se existe alguma coisa impossível de fazer com a bola, ele faz. Foi em um campeonato de areia na praia central de Balneário Camboriú. Eu estava lá assistindo um jogo dele, quando de repente em um lampejo de craque, o impossível aconteceu. Lançaram uma bola em sua direção e, sem deixar cair no chão, ele matou a bola no peito, deu um lençol no primeiro zagueiro, o outro defensor tentou interceptar e acabou levando um chapéu, o goleiro saiu do gol desesperado, predestinado a participar dessa obra de arte, levou o terceiro e último chapéu da jogada que resultou em gol. Três chapéus sem deixar a bola cair, concluindo em gol, esse foi o dia que eu disse: “Isso é impossível”.

Rockenbach da Silva para os alemães, Thiago Madeira para os amigos e, para mim, simplesmente Porco.

By Vitrola

Kaká é eleito melhor jogador do mundo

dezembro 3, 2007

kaka.gif

Aconteceu o que já era previsto. O brasileiro, Kaká, conquistou neste domingo, a Bola de Ouro da revista “France Football”. O jogador disse que, o que a diferença para ele vencer a disputa com seus adversários, o atacante português Cristiano Ronaldo, do Manchester United, e o meia-atacante argentino Lionel Messi, do Barcelona, foi a artilharia na Liga dos Campeões pelo seu clube, o Milan.

“Sabia que era um dos favoritos para ganhar o prêmio graças ao título da Liga dos Campeões que ganhei com o Milan, e ao fato de ter sido o artilheiro” disse, o jogador em entrevista coletiva.

O brasileiro conquista a Bola de Ouro no ano em que a “France Football” decidiu permitir a participação de jogadores que atuam fora da Europa.

Ao receber o prêmio, Kaká lembrou dois de seus heróis: o ex-jogador Raí, ídolo de sua infância, e o atacante Ronaldo, que o inspirou no início de sua carreira.

– Quando era criança, Raí era uma estrela no São Paulo e nos inspirava. Sempre o considerei meu ídolo. Depois, quando me tornei profissional, Ronaldo – que agora é meu companheiro – foi um exemplo por seu talento, por tudo o que fez nos clubes e na Seleção – explicou.

By Vitrola

Leandrinho da “show” mais uma vez na NBA!

novembro 16, 2007

101.jpg

 O Phoenix Suns jogando em casa, venceu nesta madrugada o Chicago Bulls por 112 a 102. Mais uma vez começando no banco de reservas, o brasileiro Leandrinho entrou e arrasou.

Leandrinho esteve em quadra 34m19 e marcou 25 pontos. Além disso, ainda contribuiu com quatro rebotes e três assistências, roubou duas bolas e deu um toco. Ele cometeu três faltas. O brasileiro mostrou pontaria nos tiros de três pontos, acertando cinco de sete, e fechou o jogo com oito de 15 arremessos de quadra. Além disso, converteu todos os seus quatro lances livres.

“Leandrinho foi sem discussão o jogador que fez a diferença com seus arremessos de três pontos”, declarou Mike D’Antoni, treinador do Suns.

By Fernando Arbex