Archive for the ‘Vou sentir Saudades’ Category

Homenagem da semana. Alonzo Mourning!

dezembro 2, 2008

by Fernando Arbex

Anúncios

Homenagem da semana. Daniel Amokachi!

outubro 6, 2008

By Fernando Arbex

Homenagem da semana. Gustavo Borges!

outubro 1, 2008

By Fernando Arbex

Lesão afasta jogador da NBA!

setembro 23, 2008

O jogador da NBA, Shareef Abdur-Rahim, do Sacramento Kings, anunciou nesta segunda-feira sua aposentadoria oficial do basquete profissional por não ter conseguido superar uma lesão crônica no joelho direito.

O ala de 31 anos, que jogou 12 temporadas da maior liga de basquete do mundo, alcançou média de 18,1 pontos; 7,5 rebotes e 2,5 assistências após completar 830 partidas na temporada regular. Sua melhor temporada foi a 1998-99 com o Grizzlies, após conseguir média de 23,0 pontos; 7,5 rebotes e 3,5 assistências nas 50 partidas em que atuou.

fonte:globo.com

By Fernando Arbex

Homenagem da semana. Alain Prost!

setembro 1, 2008

By Fernando Arbex

Homenagem da semana. Reggie Miller!

agosto 26, 2008

By Fernando Arbex

Homenagem da semana. Oscar Schmidt!

agosto 18, 2008

By Fernando Arbex

Homenagem da semana. Marcelo Salas!

agosto 7, 2008

By Fernando Arbex

Homenagem da semana. Oscar de la Hoya!

julho 29, 2008

By Fernando Arbex

Homenagem da semana. Claudio Caniggia!

julho 21, 2008

By Fernando Arbex

Homenagem da semana. Karl Malone!

julho 11, 2008

By Fernando Arbex

Homenagem da semana. Fernando Redondo!

junho 20, 2008

By Fernando Arbex

Homenagem da semana. Gustavo Kuerten!

maio 26, 2008

http://www.youtube.com/watch?v=U_6alohojxA&feature=related

By Fernando Arbex

Alex Ferguson anuncia que irá deixar o Manchester

maio 26, 2008

Campeão inglês e da Liga dos Campeões da Europa, o técnico escocês Alex Ferguson anuncia que deve deixar o Manchester United-ING daqui a três anos. Há mais de duas décadas no comando dos “Red Devils”, o treinador diz em uma entrevista ao jornal “The Sun” que tomou a decisão de se aposentar por causa da família.

“Eu garanto que não estarei mais no comando do Manchester United daqui a três anos. Quanto mais velho eu fico, mais culpado eu me sinto por ficar longos períodos longe de casa. E eu acho que a minha esposa merece um pouco do meu tempo também”, conta.

Sir Alexander Chapman Ferguson, de 66 anos, é técnico do Manchester United desde 1986. E, além dos “Red Devils”, o treinador também tem no currículo passagens por East Stirlingshire-ESC, Saint Mirren-ESC, Aberdeen-ESC e pela seleção da Escócia.

By Vitrola

Guga se despede da carreira na quadra que o consagrou

maio 26, 2008

O tenista Gustavo Kuerten perdeu para o francês Paul-Henri Mathieu, número 19 do mundo, por 3 sets a 0, parciais de 6/3, 6/4 e 6/2, em 1h30min, na estréia em Roland Garros, onde o brasileiro tem três conquistas, e se despediu das quadras no palco que se consagrou.

Guga entrou em quadra com um uniforme semelhante ao da sua primeira conquista em Paris, em 1997. O brasileiro recebeu o apoio da torcida local, que lotou a quadra Phillippe Chartrier, incentivando-o, que a todo instante mostrava desconforto no quadril, sendo até atendido no nono game do segundo set. Mas o brasileiro se esforçou ao máximo e conseguiu em alguns momentos reeditar o tênis que o consagrou.

No primeiro set Guga encontrou muitas dificuldades para confimar seu serviço. O francês conseguir quebrar o saque do brasileiro no quarto game, abrindo vantagem e fechando a parcial em 6/3.

Guga voltou melhor no segundo set e chegou a ficar à frente do placar, com 3/2. Mas teve o saque quebrado e Mathieu voltou a ter o domínio no placar, fazendo 4/3. Guga se recuperou devolvendo a quebra e empatando a partida. Entretanto, Guga não confirmou seu serviço e a vantagem voltou para o francês, que fechou o set no game seguinte.

Logo no terceiro game do segundo set Paul-Henri Mathieu conseguiu quebrar o saque de Guga, abrindo vantagem de 3/1. Guga diminuiu a vantagem mas voltou a ter seu serviço quebrado, vendo a diferença aumentar para 5/2. O brasileiro foi aplaudido de pé no sétimo game quando protagonizou um lindo lance na partida. Mas, na seqüência, Paul-Henri Mathieu confirmou seu serviço e venceu a partida.

Emocionado e sendo aplaudido de pé, Guga sentou no banco e não suportou a emoção: com o rosto envolvido em uma toalha, o brasileiro chorou, sendo ainda mais reverenciado pelo público presente. E não foi o fim da festa para Guga, que foi homenageado no centro da quadra, recebendo como troféu um pedaço da quadra de Roland Garros. Chorando ainda mais, o brasileiro agradeceu o apoio e falou da importância do torneio.

– Para mim, foi incrível o que fiz aqui. Obrigado a todos. Estou muito feliz em ver a minha família aqui comigo hoje. É importante jogar para todos, em especial para eles – disse Guga, aplaudido de pé pelos torcedores.

Fonte: Lancepress

By Vitrola